Menu
Login

PANAMERICAN TRAUMA SOCIETY

SOCIEDAD PANAMERICANA de TRAUMA

MENSAGEM DO PRESIDENTE

Prezados amigos e colegas,

Carlos A Ordonez, MDÉ um privilégio para um cirurgião que dedicou grande parte de sua vida ao estudo de pacientes com trauma, ser o presidente da Sociedade Panamericana de Trauma (SPT). A SPT é uma organização em contínuo desenvolvimento e crescimento. Temos assistido a sua evolução nos últimos trinta anos e hoje, no início de 2017, devemos ter a capacidade de enfrentar os desafios que o futuro nos traz.

Em primeiro lugar, quero agradecer ao Dr. Rao Ivatury pelo seu esforço constante e compromisso com a sociedade por tantos anos. Como Diretor Executivo, ele fez várias contribuições que serviu imensamente para o crescimento de nossa sociedade; e agora, como editor-chefe da revista da Sociedade Panamericana de Trauma, ele continua demonstrando sua paixão e compromisso para fortalecer os pilares da cirurgia de trauma e emergência (cirurgia de trauma e de cuidados críticos) nas Américas. Em segundo lugar, nosso ex-presidente, Dr. Michel Aboutanos - seu compromisso com a sociedade era evidente. Durante sua presidência, a Sociedade manteve seu curso e fortaleceu as relações internacionais com outras sociedades e organizações nas Américas e em todo o mundo. Alianças importantes foram formadas com organizações de prestígio, incluindo a OMS (Organização Mundial da Saúde).

É também importante felicitar os organizadores do último congresso no Brasil, encabeçado pelo Dr. Sandro Scarpellini. Esta reunião foi excelente; foram submetidos aproximadamente 950 resumos para serem apresentados nas diferentes reuniões acadêmicas, 377 delas foram selecionadas - 73 para apresentações orais e 304 para apresentações mini-orais. Com mais de 1.400 participantes, realizou-se um maravilhoso congresso em Maceió, Brasil.

Devemos também felicitar nosso novo Diretor Executivo, Dr. Thomas Scalea. Aceitar esse desafio requer muita coragem e dedicação. Aprecio sinceramente o seu interesse na sociedade e espero que, sob sua direção, vamos conseguir realizar as nossas tarefas pendentes. Contudo, embora o papel do Diretor Executivo seja essencial, também é importante receber o apoio de todos os membros da SPT, já que não seremos capazes de crescer sem o trabalho em equipe. É por isso que exorto todos os membros a oferecerem seu apoio incondicional ao Dr. Scalea. Os desafios enfrentados pela SPT exigem o compromisso de todos. Por favor, envie suas preocupações - todos serão estudados e resolvidos - ajudarão conduzir o curso da nossa organização.

A SPT tem dois eventos importantes no futuro imediato. Primeiro, a publicação da nova edição do livro da sociedade: TRAUMA. Este livro será uma contribuição importante para a cirurgia de trauma e emergência na região, e agradecemos a todos os autores por sua colaboração. Por favor, apoie aos Drs. Aurelio Rodriguez e Ricardo Ferrada, que estão coordenando esta edição do livro; seu compromisso representa os valores fundamentais da SPT, e os membros e autores valorizam seu trabalho. Segundo, o XXX Congresso da SPT na Cidade do México. Esperamos que este congresso seja um sucesso total. Sendo que esta é a reunião mais importante da nossa sociedade, devemos ver esse momento como uma oportunidade para construir o caminho a seguir. Os seguintes tópicos, entre outros, devem ser de interesse em nosso próximo congresso: O desenvolvimento de sistemas de trauma para prevenção e cuidado da violência, a melhoria contínua no atendimento de pacientes com traumatismo crítico e estratégias para promover cirurgia de trauma e emergência em um mundo em que a cirurgia geral está desaparecendo.

A médio prazo, a sociedade [liderança] deve pensar em como manter e aumentar o número de afiliados. Duas estratégias valiosas vêm à mente neste momento. Primeiro, as ligas de trauma e emergência, e segundo, a mídia social.

As ligas de trauma estimulam os estudantes de ciências da saúde a melhorar a qualidade do trauma, emergências e assistência de desastres com base em pesquisa, divulgação comunitária e educação continuada sobre questões relacionadas a cirurgia de trauma e emergência. Eles promovem o estudo e disseminação de conhecimentos, e melhoram a formação médica e acadêmica de seus membros. Nas ligas de trauma, grupos são formados e preparados para realizar um trabalho coordenado e eficaz em resposta a desastres. Mais ligas = maior aprendizagem. Devemos promover a formação de ligas em todos os países das Américas - esses jovens são o sangue novo que refresca a SPT, e eles representam o futuro ea permanência da sociedade.

As redes sociais são um meio de comunicação e informação. Eles têm a vantagem de ser interativo, o que torna possível promover a formação. Plataformas como Facebook, Twitter e Instagram são um veículo para espalhar a missão, visão e valores da SPT em todo o mundo. Através destas redes, a SPT pode ser conhecido como uma organização acadêmica através da disseminação de vários tipos de conteúdos: guias de gestão, comentários sobre artigos científicos de interesse, apresentação de casos de interesse e imagens em cirurgia de trauma e emergência. Se olharmos para ele de um ponto de vista estratégico, os jovens hoje passam mais tempo na mídia social do que qualquer outro meio de comunicação, que é uma excelente maneira de melhorar a aprendizagem. Se tirarmos proveito deste nicho, a SPT poderia expandir sua gama de influência. Devemos usar as mídias sociais para posicionar à SPT como uma organização líder na educação de cirurgia de trauma e emergência dentro das Américas.

Os esforços e realizações realizados pela SPT na última década - incluindo a evolução ea implementação bem-sucedida do registro de trauma em vários países - resultaram no lançamento do novo registro; esta é uma versão atualizada que está disponível para todos os nossos membros. A implementação de um registro de trauma não é um processo isolado, mas sim um componente dentro de uma abordagem mais ampla para o atendimento ao trauma. Em outras palavras, é um elemento essencial de um sistema abrangente de trauma. A divulgação dos resultados dos estudos realizados com os dados do registro é de importância fundamental para a formulação de estratégias e intervenções dos tomadores de decisão em trauma e emergências. O registro deve ser a base da criação de políticas públicas de prevenção e tratamento da violência e suas conseqüências. Por esta razão, convido todos os membros da SPT a promover activamente o uso do registro em suas regiões e a começar a utilizar-lo.

Desejamos estender um convite a todos os membros, bem como a toda a comunidade das Américas e outras latitudes, para participar do XXX Congresso de Trauma, Cuidados Críticos e Cirurgia de Emergência, a ser realizado na Cidade do México de 27 de novembro a 1 de dezembro, 2017. Agradecemos ao Dr. Ignacio Magaña, coordenador deste grande evento. Esperamos, com o apoio de todos, que seja um sucesso total.

Finalmente, agradeço a todos os membros [da sociedade] pelo seu compromisso contínuo e espero que, neste novo ano, a SPT também contribua para o sucesso de todos vocês.

Atenciosamente

Carlos Alberto Ordoñez D. MD, FACS
Presidente da Sociedade Panamericana de Trauma 



Presidentes
Anteriores

Michel Aboutanos, MD  
Gustavo P. Fraga, MD  
Manuel Lorenzo, MD  
Anamaria Pacheco, MD  
Juan Carlos Puyana, MD  
Renato Poggetti, MD  
Raul Coimbra, MD  
David Ortega, MD  
Aurelio Rodriguez, MD  
Samir Rasslam, MD  
Andrew Peitzman, MD  
Jorge Neira, MD  
David Mulder, MD  
Carlos Morales, MD  
Ernest Moore, MD  
Kimball Maull, MD  
Charles Lucas, MD  
Juan Lombardi, MD  
Rao Ivatury, MD  
David Hoyt, MD  
Francisco Holguin, MD  
Gerado Gomez, MD  
Jose Eduardo Gracia, MD  
Ricardo Ferrada, MD  
David Feliciano, MD  
Susan Briggs, MD  
Dario Birolini, MD  
Armando Baqueiro, MD
 


Powered by Wild Apricot Membership Software